segunda-feira, 14 de abril de 2014

INSANIDADEs










cedo o pisão sedou o sorriso
no burel de quem acordou sem granizo




hoje por isso
na sede de um estar conciso
cedo ainda à tecelagem do siso

choro à margem do meu riso











31 comentários:

  1. Será que esse siso, tecido em granizo, dará um estético friso? :)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Não sei, AC. Mas vou pôr-me a idealizar o friso final e depois, com siso, lhe darei a resposta. :))

      Beijinho

      Eliminar
  2. Respostas

    1. Argos, bem preciso de abraços. O teu tem sempre tanta ternura e amizade!

      Beijinho e um abraço muito grande.

      Eliminar
  3. Bela brincadeira com as palavras! E com as ideias. Muito bom!!

    Beijinhos de riso e... com pouco siso...

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Sem siso ando por causa das dores. Este texto revela a minha contínua insanidade.

      Beijinho

      Eliminar
  4. o pisão faz milagres:
    - umas vezes seda
    outras vezes riso...
    nunca com siso...

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pois faz, heretico! Transforma a lã grosseira e desperdiçada num agasalho quente e impermeável. :)

      Beijinho

      Eliminar
  5. Pelo menos não te falta a inspiração!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Já estava escrito há uns meses...

      Ando desinspirada de todo!

      Beijinho

      Eliminar
  6. Respostas

    1. De facto, Rosa, queres melhor pisão que a vida?

      Obrigada e um beijinho

      Eliminar
  7. Respostas

    1. Transformações da matéria prima, Laura. :(

      Beijinho

      Eliminar
  8. Boa tarde,
    Linda criatividade no excelente jogo de palavras.
    Dia feliz
    ag

    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Inspiração ainda tens, que bom!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. A "escritora" (como me chamas) anda doente e socorre-se do que tem em rascunho, São.

      Beijinho

      Eliminar
  10. Menina Laçarote,

    Vamos lá a saber, está melhor?
    Siso? Só conheço o dente.
    Qual siso? Prefiro o riso, pode ser?

    Boa Páscoa.

    Abraço grande.

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Não, GL, não estou! E não me livro do siso. Se o fizesse, talvez a dor diminuísse.

      Beijinho

      Eliminar
  11. Gosto de Laços...laços de amor...de amizade...de solidariedade! Continuas a mesma a brincar brilhantemente com as palavras e ainda, ao gato e ao rato... Siso? Nem tu...nem eu o temos!! Foi-se com o dente e...com as "pisadelas " da vida...seria??
    Mil beijos e continua, amiga!
    Graça

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Como gosto de te ter de novo ao pé de mim, Graça!

      Doem as "pisadelas" muitas e muito.

      Beijinho

      Eliminar
  12. Olá Laços!
    Tantas vezes choramos nas margens do riso, e tantas vezes rimos quando a nossa vontade seria chorar...
    Pelo que percebi, padece de mialgia, uma doença muito "fingida" no sentido que não se deixa ver aos olhos dos outros.
    Desejo-lhe as melhoras e uma boa Páscoa!
    xx

    ResponderEliminar
  13. Desculpe, escrevi mialgia quando deveria ter escrito fibromialgia.
    xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Laura. Somos assim, numa tentativa de nos auto negarmos.

      Obrigada por estar aqui.

      Beijinho

      A fibromialgia é vista, de facto, como um médico me disse « a doencinha das senhoras que se não querem levantar cedo ». Irritou-me, até porque ando a toque de campainha.

      Eliminar
  14. um jogo de palavras que ficou muito bem.

    e o sorriso é preciso!

    boa Páscoa.

    beijo

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Pelo menos muito sentido, Pi.

      Boa Páscoa para ti!

      Beijinho

      Eliminar
  15. Hoje passo, numa pressinha, só para lhe desejar uma Páscoa feliz!
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Também para ti, Carlos!
      Fico-te agradecida por teres passado, mesmo que com pressinha.

      Beijinho

      Eliminar
  16. Amiga, sei que a inspiração não te falta , agora só peço que a saúde não te abandone.

    Boa Páscoa!

    beijinho com carinho

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Mas está a fazê-lo, Fê. Acumulações de muitas parcelas. Entendes-me..

      Beijinho e boa Páscoa.

      Eliminar